sábado, maio 03, 2014

Atriz japonesa faz plásticas e fica com "rosto de funil"

Postado por Stefani Almeida às 6:19 AM
Olá meus queridos, como estão? Demorou mas aqui estou eu com uma nova postagem. Recebi algumas perguntas em minhas Ask sobre o que tinha acontecido, porque não estava mais postando nada aqui no blog. Estive passando por um momento de "estou sem criatividade". Me perdoem por isso. Mas aqui estou eu com mais uma matéria quentinha para vocês. Estava vendo outros assuntos quando encontrei essa matéria sobre "plástica facial". Confesso que gosto muito do assunto, mas nada dessas bizarrices que o povo adora fazer. Não é a primeira vez que trago um post como esse, mas gosto de mostrar e alertar aqueles novatos que estão se aventurando no mundo do "bisturi".

Antes e Depois
 "Uma atriz pornô japonesa ficou irreconhecível após fazer uma série de cirurgias plásticas. Rina Nanase, que usa o nome Rumi Kanda profissionalmente, afinou tanto o maxilar inferior (mandíbula) que seu rosto ficou com o formato parecido com o de um funil.
Na internet, fãs do trabalho da japonesa se apressaram em criticar as mudanças. Vários comentários apontavam a semelhança entre a atriz de filmes eróticos e Dobby, o elfo doméstico da série Harry Potter. Apesar disso, após algumas camadas de maquiagem e uma boa produção, Rina voltou a fazer sucesso entre seus seguidores." Fonte Extra Globo


1 comentários:

Sara Silva Freitas on 24 de agosto de 2014 05:19 disse...

Eu vi uma reportagem falando sobre isso algum tempo atrás e fiquei horrorizada com o quão drásticas são as cirurgias plásticas no Japão. Claro que quando dá certo é ótimo ficar com o rosto dos sonhos, mas um caso como esse creio que seja irreversível...

Beijos.

www.blogsarafreitas.com

Postar um comentário

Regras:
Não use palavras ofensivas, denúncias levianas e nem troque ofensas entre leitores. Respeite o próximo.
Não tenha vergonha, pode perguntar a vontade.
Comente! Diga o que achou da postagem!
Se gostou, agradeça (。◠‿◠。)

 

Butterfly Lollipop Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos